terça-feira, 4 de outubro de 2016

E se você me pedisse;



E se você me pedisse, eu me casaria, todos os dias, com você. 
Eu me casaria com o teu banho demorado, o teu jeito de por os talheres no prato, com os teus óculos sujos, com a tua teimosia charmosa.
Eu me casaria, todos os dias, com as pintas das tuas costas, com o teu jeito de relaxar a face ao dormir, com as tuas convicções do mundo que tanto fizeram eu te admirar.
Se você me pedisse, por mais baixinho que fosse, eu me casaria, todos os dias, com as tuas perguntas descabidas, com as tuas inseguranças tolas, com a bagunça que você deixa na cama, com o teu calor pela manhã. 
E se você me pedisse, eu me casaria, todos os dias, com você. 

.


Nenhum comentário:

Postar um comentário