segunda-feira, 3 de outubro de 2016

;

Programados por melancolias diárias, 
quando achamos um pequeno sopro de esperança em uma avenida movimentada 
e dai por diante cremos estar imunes às grandes inundações de tristezas.
Mas nunca se está suficientemente a salvo da dor.
Você busca por uma mão, mas não há nenhuma.
Nenhum abrigo, nenhum porto seguro, sem bote de salvação pra você.
É aquela máxima de que a vida não vem em conta gotas.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário