domingo, 4 de setembro de 2011

Daily_picdump_572_640_112_large
Acordei sem a menor dificuldade, espiei a rua em silêncio,
muito limpa, as azaléias vermelhas e brancas todas floridas.
Parecia que alguém tinha recém pintado o céu, de tão azul.
Respirei fundo.
O ar puro da cidade lavava meus pulmões por dentro.
Setembro estava chegando enfim.(...)

(Caio Fernando Abreu)
 
 
.


Nenhum comentário:

Postar um comentário