domingo, 16 de janeiro de 2011

Dias ensolarados;

E os grande homens possuiam suas grandes glórias, seus grandes egos, suas grandes façanhas.
Eu tinha apenas dias ensolarados, com bordas azuis.
Mas eram bonitos, porque haviam pessoas de alma bonita neles.
Não eram dias de glória, não alimentavam meu ego, não me inundavam de orgulho.
Mas era uma façanha acordar e lidar com todos esses dias frios, com pessoas frias, sem qualquer expectativa e fazê-los dias bons, ensolarados, de bordas azuis.
Apesar de ficar mais fácil com as pessoas de alma bonita.

Lirian

.

P.s: participação espontaneamente forçada da Tassia, porque eu peguei a foto dela no orkut sem ela saber. Simples assim.


Nenhum comentário:

Postar um comentário