segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Lua nova;

"Eu sempre amei você, e eu sempre.
Eu estava pensando em você, vendo o seu rosto em minha mente, durante cada segundo em que estive longe.
 Quando eu te disse que não te queria, aquele foi o tipo mais negro de blasfêmia”.

(Edward)


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário