domingo, 29 de novembro de 2009

Ela e o nosso amor






Mesmo quando está cansada e chega com aquelas olheiras abissais, fundas e negras... ela ainda assim é a mais bonita.

E todas as horas ao lado dela são como os primeiros segundos do beijo na escada cinza e gasta.

Não poderia mais ser eu sem a presença dela.

Menina-princesa que é dona do meu castelo.

Menina-estrela que clareia o meu caminho.

Menina-fada que me empresta pó mágico colorido para tornar menos monótona a vida.

Menina-mulher que tira a minha roupa, que consome meu corpo (que antes era triste).

Menina-moça que me faz sonhar.

Menina-amor que tem a minha alma.

Menina-amora que sabe que é pra sempre.

(Natália Anson Lima)
 
p.siu: meninas são tão mulheres, seus truques e confusões...

Nenhum comentário:

Postar um comentário